pt +55 (48) 3039 1404 contato@apino.com.br

Programa de incentivo: 8 estratégias para motivar seus funcionários

motivar equipe

Quanto mais você consegue motivar a equipe, melhor é a sua produtividade, certo? Para garantir que os funcionários da empresa trabalhem com o máximo potencial, o setor de Recursos Humanos precisa definir e implementar políticas de incentivo.

A boa notícia é que existem estratégias motivacionais rápidas, mas que apresentam alta eficiência. São simples de implementar e proporcionam excelentes resultados no rendimento dos colaboradores. Neste post, trazemos 8 dicas para manter os seus funcionários motivados. Confira!

Quer saber como desenvolver a cultura organizacional da sua empresa? Clique aqui e confira o nosso e-book!

1. Mostre reconhecimento aos colaboradores que se destacam

Você pode trabalhar com a estratégia do funcionário do mês, muito comum na maioria das empresas, buscando identificar sempre um exemplo positivo para motivar a equipe a seguir os passos.

Além dessa opção tradicional, existem outras possibilidades até mais sofisticadas, como a implementação de um sistema de pontuação. Nesse caso, utilizando uma tabela, você pode criar um ranking e, no final de determinado período (seis meses, por exemplo), será possível premiar os primeiros colocados. A ação se assemelha a uma temporada dos campeonatos de automobilismo e costuma empolgar bastante.

Outra vantagem interessante é que a metodologia pois permite que um funcionário (que não estava bem colocado no começo) se recupere no decorrer do evento.

E o melhor: com a disputa, quem terá os maiores benefícios será a empresa, com melhores resultados.

2. Estabeleça metas

Definir metas de desempenho é outra ação essencial para manter os colaboradores motivados. Assim, a equipe sabe para onde a empresa está caminhando e quais são os resultados esperados em determinado espaço de tempo (mês, semestre ou ano).

Entretanto, é importante estabelecer metas alcançáveis e que haja benefícios para os funcionários que conseguirem cumpri-las. Você pode, por exemplo, atribuir premiações para cada etapa concluída de um projeto importante. Ou conceder retribuições pelo cumprimento de metas quantitativas parciais, premiando os funcionários que fecharem 500 ou 1000 vendas no semestre. São apenas alguns exemplos.

O importante é que assim você consegue motivar seus funcionários para que progridam gradativa e solidamente. Experimente essa ação. Você verá que cada meta cumprida tende a renovar a energia do grupo, trazendo melhores resultados para a empresa.

3. Valorize o propósito do seu negócio

A essência dessa estratégia é fazer com que as pessoas sintam que trabalham por um propósito. Você pode não perceber, mas é comum que os funcionários se perguntem sobre o que os motiva a se dedicar tanto a uma mesma atividade. E, quando a empresa está preocupada somente com o lucro, é natural que essa resposta tenha um impacto negativo, causando frustração e baixo desempenho dos seus profissionais.

Por isso, além de objetivar o lucro e o sucesso, as empresas precisam mostrar aos funcionários, por meio do endomarketing, quais os impactos positivos que o seu negócio proporciona à sociedade. Isso, certamente, dará motivação aos seus profissionais.

Em poucas palavras, valorize (e compartilhe) o propósito maior do seu negócio e descubra como isso é capaz de motivar a equipe.

4. Promova o espírito (e a prática) do voluntariado

Pense bem: no mundo inteiro, há pessoas que abandonam tudo para ajudar pessoas menos favorecidas em regiões distantes ou então para se dedicar a uma causa ambiental global. O que as move? É o propósito; é a missão e o desejo de construir um mundo melhor. É assim que os profissionais da sua empresa devem se sentir.

Uma dica é dar a seus colaboradores a oportunidade de participarem de ações sociais que tenham a ver com o seu empreendimento.

Mas como essa estratégia trará benefícios para a sua empresa? Bem, quando nos sentimos úteis e necessários, a tendência é que esse sentimento impacte todos os aspectos da nossa vida, incluindo o profissional.

5. Promova viagens de incentivo para motivar a equipe

Quanto melhor é o prêmio dado aos funcionários que se destacam e que cumprem metas, mais eles se esforçarão para ganhá-lo. Essa é a tendência. Por isso, as viagens de incentivo são uma excelente ideia. Que tal oferecer um passeio para o colaborador que mais se destacar no semestre? Ou (melhor ainda!) por que não dar uma experiência inesquecível para aquela equipe que fez a diferença na hora de ajudar a empresa a atingir os melhores resultados do ano?

É uma boa estratégia de marketing, que ajuda a potencializar as demais ações de motivação. Escolha um destino interessante e envie e-mails frequentes para lembrar os colaboradores sobre o prêmio.

O melhor é terceirizar o serviço e contar com a experiência de uma agência especializada. Assim, você garante uma viagem bem planejada e autêntica e não desvia o foco do seu negócio.

6. Faça avaliações e alinhamentos

Reuniões de acompanhamento também podem contribuir para motivar a equipe. Por isso, é importante marcar conversas periódicas com a equipe para falar sobre o andamento das metas e o desempenho geral dos negócios da empresa. Mas cuidado com os exageros: não vale marcar dezenas de reuniões por mês e muito menos fazer encontros que duram a tarde inteira.

Sempre que possível, estimule a liderança a fazer também reuniões individuais para tratar do desempenho de cada membro do time. Nesses momentos, o líder deve fazer uma abordagem construtiva, mostrando todas as potenciais melhorias no trabalho do colaborador. Reconhecer as atitudes que geram bons resultados é fundamental para o desempenho da equipe e também ouvir o outro lado, sempre aberto a receber o feedback do colaborador.

Dessa forma, o líder ajuda no desenvolvimento profissional dos colaboradores e os incentiva a manter as atitudes positivas, além de deixar a equipe sempre alinhada com as metas do negócio. É motivação na certa!

7. Certifique-se de que todos entenderam a “Big Picture

Big Picture é um termo que corresponde ao panorama da empresa, ou seja, é a “grande foto” ou “foto completa” do empreendimento. Quando o colaborador entende esse cenário, ele passa a entender que o projeto da organização é mais importante do que imediatismos.

Para que isso aconteça, cabe ao gestor conscientizar seus funcionários quanto aos objetivos da empresa, sempre mostrando como cada profissional se encaixa na estrutura organizacional. O resultado? Um profissional que se sente valorizado e engajado com a proposta da companhia.

8. Invista na empatia e na confiança mútua

Sabe aquele gestor que chega depois da equipe e sai mais cedo? É preciso agir de outra forma e ter bons resultados: motivando os seus funcionários, conduzindo a equipe de maneira sincera e chegando e saindo no mesmo horário que todos.

Assim, você cativa o grupo e se coloca como mais uma peça na engrenagem. E mais: faz com que os seus colaboradores confiem em você e aceitem melhor os regulamentos da empresa.

Além disso, é preciso discrição na hora de tomar algumas atitudes, como saber chamar a atenção de maneira adequada diante do erro (preferencialmente, dentro de uma sala reservada e distante do restante da equipe). Da mesma forma, é importante reconhecer o mérito de alguém: faça-o publicamente, de forma que todos entendam o motivo e o contexto do elogio.

Com essas práticas, você consegue não somente motivar sua equipe, mas também se tornar uma referência para ela.

Agora que você sabe como é possível motivar a equipe, não deixe de compartilhar este conteúdo nas suas redes sociais para que seus amigos e colegas também se informem. Afinal, boas dicas devem ser multiplicadas!

Programa de incentivo: 8 estratégias para motivar seus funcionários
Avalie este post!

Inscreva-se